Pesquisar

Livro: Álbum de Casamento [Quarteto de Noivas I]
Autora: Nora Roberts
Páginas: 288
Editora: Arqueiro
Classificação: 3/5

Ironicamente, Mackensie Elliot nunca foi uma grande fã do casamento. Possuindo uma infância atípica, foi abandonada pelo seu pai quando ainda pequena - embora o amasse de todo o coração, não poderia julgá-lo por ter fugido da esposa e desaparecido no mundo - e cresceu em meio aos diversos casamentos de sua mãe, Linda, que não media esforços para conseguir o que queria. 
No entanto, por mais que não imaginasse a si mesma encontrando um final feliz - mesmo porque não acreditava em um, sendo indiretamente influenciada pela visão distorcida de sua mãe -, era parte de uma grande empresa de organização de casamentos, a Votos, administrando-a junto com suas amigas de infância - com quem costumava brincar de casamento quando pequena - e sendo a fotógrafa de tais eventos.
"Ser feliz para sempre talvez fosse conversa fiada, mas ela sabia que queria tirar mais fotos de momentos que fossem felizes. Porque, assim, eles permaneceriam para sempre."
Em uma feliz coincidência - que começara com um desastre -, Mac acaba reencontrando o desastrado e encantador Carter Maguire, um admirador secreto de seu tempo acadêmico e atual irmão da noiva da vez. E, talvez, o que começou com um pássaro se chocando contra a janela poderia se tornar o seu final feliz, caso ela estivesse disposta a enfrentar sua bagunça emocional.
Com uma escrita leve, Nora Roberts conta a história de alguém habituado a ver falhas em cada relacionamento. Em uma mão, temos Mac e seu relacionamento fora de controle com sua mãe - conhecida por suas chantagens emocionais e seus diversos "príncipes encantados" cujos relacionamentos duram menos de três meses - e seu trauma de infância sobre casamentos. Em outra, temos Carter, um romântico incurável que estaria disposto a entender a fotógrafa de cabelo cor de fogo, caso ela permitisse.
De forma leve e natural, o narrador descreve de forma informal os sentimentos do casal; desde a aproximação até a crise pré-relacionamento. Descontraidamente, somos envolvidos pela atmosfera matrimonial, as incertezas de Mac e a velha chama de Carter.
"Filmes, pensou - especialmente os românticos - deviam ter final feliz. Porque a vida, com muita frequência, não tinha. O amor se dissipava ou se transformava em ódio. Ou ia parar em algum lugar entre essas duas coisas, numa espécie de indiferença dolorosa."
Como de costume, em "Álbum de Casamento" observamos o confronto interno da protagonista e a forma como o relacionamento entre "mocinho e mocinha" se desenvolve: sempre de forma incerta. O livro de abertura da série "Quarteto de Noivas" não possui grandes atrativos ou uma trama bem elaborada -- o ambiente se divide entre a empresa e as cerimonias ali organizadas; e a casa dos personagens. Seu ponto alto é o modo como a autora atribui características reais aos personagens, porém sem que percam seu traço ficcional
O romance escrito por Roberts não ultrapassa barreiras ou deixa leitores de queixo caído, mas é conhecido pelo entretenimento. Suavemente, somos embalados pelo ritmo da leitura e nos envolvemos pelo charme e timidez de Carter - um típico nerd que ascendeu a um partido de ouro, sem que grandes mudanças ocorressem. 
Ou seja, "Álbum de Casamento" é uma das melhores escolhas para as férias de verão, contendo tudo aquilo que o sol, o mar e o lazer pedem: diversão, romance e uma pitada de confusão. Com personagens tão envolventes, quem poderia resistir?
-- Não me diga o que fazer ou quem amar. Você é a pessoa que eu quero. Vai continuar sendo amanhã e daqui a cinquenta anos.
-- Nunca fui "a" pessoa. Para ninguém.
Carter se aproximou.
-- Você vai se acostumar com isso. 
 Daniele Almeida.


Deixe um comentário