Pesquisar

Título: O Melhor de Mim
Autor: Nicholas Sparks
Páginas: 272
Editora: Arqueiro
Classificação: 2/5

"O Melhor de Mim" é um romance escrito por Nicholas Sparks que retrata a história de Amanda Collier e Dawson Cole, dois adolescentes que, contrariando todas as expectativas de Oriental, um município aristocrata situado na Carolina do Norte, acabam se apaixonando e confrontando suas famílias ao viver tal amor proibido.
Aos 17 anos, Dawson era conhecido como um problemático, alguém a se manter distância devido às suas origens. Após rejeitar o comportamento abusivo de sua família e as agressões constantes de seu pai, acaba saindo de casa e hospedando-se na oficina de Tuck, um homem marcado pela perca de sua esposa, Clara.
Já Amanda era, claramente, seu oposto. Pertencia à segunda família mais poderosa de Oriental e era conhecida por sua popularidade e elegância. No entanto, nem a sua criação ou reputação a impediram de se apaixonar por Dawson, seu parceiro de química, e a renegar seu nome para viver tal sentimento.
Entretanto, o destino é imprevisível, e pensando no melhor de Amanda, Dawson acaba deixando-a ir.
"- E, se ela voltar, é porque o destino quis assim? É isso o que você acha que está acontecendo? Que nossa vida virou um clichê?"
Ninguém suspeitaria que, 20 anos depois, o destino os reuniria para o funeral de Tuck, alguém que sempre teve um papel fundamental na história de amor dos dois. E que, em um final de semana, um amor juvenil pudesse florescer novamente.
"O amor sempre diz mais sobre quem o sente, do que sobre a pessoa amada."
Narrado em terceira pessoa, "O Melhor de Mim" é um romance mergulhado em pensamentos e personagens clichês. De um lado, possuímos a mocinha: rica, com comportamento exemplar e que, por um sentimento arrebatador decide se rebelar contra o mundo. Do outro, seu par romântico: alguém conhecido por sua personalidade forte, rejeitado pela sociedade e que já sofrera bastante. 
Apesar de possuir um enredo leve, mesclado entre cenas de ação - retratando a relação entre Dawson e seus primos, Abee e Ted - e romance - com as lembranças e o reencontro entre os protagonistas -, a leitura foi um tanto arrastada e nada cativante.
Como mencionado, o autor não se preocupou em criar um diferencial neste romance, e talvez por já ter lido muitos romances de mesma autoria, não tenha me contentado com o "de sempre". 
Um dos pontos a serem melhorados seria a superficialidade do caráter dos personagens. Por exemplo, Dawson é conhecido por ter uma extensa bagagem emocional que, no entanto, foi pouco explorada. A não ser pela mencionada rivalidade com os primos e por um incidente que custou 4 anos de sua vida, o enredo se concentrou em seus sentimentos por Amanda.
Já Amanda é alguém que, apesar de teimosa, aceita o ambiente ao redor e reluta em ir atrás do que quer. Apesar de reclamar de um casamento sem amor, cujo marido se tornara alcoólatra após uma tragédia familiar, desiste de toda e qualquer chance de recomeçar sua vida.
"Eu lhe dei o melhor de mim e, depois que você foi embora, nada jamais voltou a ser o mesmo."
Apesar de ser fascinada pelos romances de Nicholas, venho ressaltar que "O Melhor de Mim" não é um livro que te prenda ou faça com que você não queira parar de ler; pelo contrário. Seu enredo deixou a desejar e seu final é previsível. Sendo assim, não o recomendaria nem mesmo aos românticos incuráveis.
Daniele Almeida.
PS.: Este livro fez parte da Maratona Literária #EuTodeFérias, sendo minha terceira leitura.


2 Comentários

  1. Mulher, teu livro tem 220 páginas? Pq o meu só vai até ela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana. Tudo bom? :)
      Não, meu livro vai até a pág 272. Entretanto, isso varia conforme a edição comprada; edições econômicas são conhecidas por possuírem letra menor e, por consequência, menor número de páginas.

      Um abraço!,
      Daniele.

      Excluir