Pesquisar


Livro: Drácula
Autor: Bram Stoker
Páginas: 127
Editora: DCL
Classificação: 3/5
“- Seja bem vindo à minha casa – repetiu. – Entre livremente, parte são e salvo e deixe aqui um pouco da felicidade que traz!”
O Conde Drácula recebe a visita de Jonathan Harker, que lhe falaria sobre uma casa em Londres e pretende comprar. Mas sua visita acabará sendo muito reveladora.

“ – Estou satisfeito que tenha achado este lugar que muito me agrada. Estes companheiros – disse, passando a mão sobre alguns livros – têm sido bons amigos para mim já há alguns anos...”
No começo, era apenas estranho. Seu comportamento. Nunca o vira se alimentar ou sair antes do anoitecer.
“- Sinto-me satisfeito de saber que minha casa é grande e construída há tanto tempo. Pertenço a uma família muito antiga, e seria horrível morar numa casa sem história.”
Mas Drácula não era humano. Um ser sem reflexo que se alimenta apenas de sangue humano, um vampiro. E o único modo de Jonathan sair desse castelo vivo, é se o próprio conde permitir.

Sobre a minha edição: Simples e pequena. Possui uma arrumação um tanto interessante e sua aparência é muito bonita, beirando parecer com uma antiguidade. O livro é dividido por páginas de diários dos personagens humanos como Jonathan, Mina e Van Helsing.

Drácula é um grande clássico. Sobre o tema vampiresco, é o mais conhecido e, sem dúvida, foi de muita inspiração a outros. Estava muito curiosa sobre ele e fiquei muito feliz por finalmente arranjar um tempo para ele.

~Talita B.


Deixe um comentário